Núcleo de Pesquisa Sobre Pactos Político-Territoriais e Desenvolvimento

O Núcleo de Pesquisas sobre Pactos Político-Territoriais e Desenvolvimento

Sobre

O Núcleo de Pesquisas sobre Pactos Político-Territoriais e Desenvolvimento reúne pesquisadores que têm por objetivo comum ampliar a compreensão de interações espaciais entre atores e agentes do desenvolvimento em contextos territoriais particulares. Busca-se contribuir, na Geografia e áreas afins, com uma discussão ampliada acerca das relações político-territoriais capazes de engendrar processos de desenvolvimento, e analisar a intensidade e a qualidade de agenciamentos colaborativos em contextos de diferenças e de desigualdades territoriais. Nesse quadro, parte-se da premissa geral de que a compreensão do desenvolvimento territorial exige atenção mais detida aos contextos sociais e arranjos institucionais que contribuem para coordenar e direcionar as práticas e ações dos atores e agentes em múltiplas escalas. Em suma, busca-se aperfeiçoar o instrumental teórico-metodológico para subsidiar análises, em diversos recortes e escalas, acerca do desenvolvimento territorial como um processo multifacetado, derivado de práticas colaborativas e conflitivas entre atores e agentes territorialmente situados. As pesquisas se inscrevem, notadamente, na realidade político-institucional brasileira, mas estudos comparativos sobre a temática são também estimulados. Dentre as temáticas de interesse do grupo, incluem-se as políticas de regulação do uso do solo urbano e projetos de intervenção urbanística, o papel dos agentes econômicos na transformação das economias urbana e regional, a cooperação territorial na implementação de políticas públicas e nos processos de desenvolvimento e as diversas formas de articulação entre governos e sociedade civil.

Linhas de Pesquisa

Políticas Públicas, Instituições e Território

A linha de pesquisa tem por objetivo aprofundar os estudos acerca das mediações que afetam o acesso a bens e serviços públicos no território. Pretende-se fortalecer os aportes teórico-metodológicos que contribuem para a análise das relações entre cooperação territorial e desenvolvimento, considerando-se o problema dos recortes político-administrativos em processos de elaboração e implementação de políticas. Igualmente, procura-se explorar as possibilidades do método comparativo em análises de desenhos político-institucionais e suas conexões territoriais. Busca-se também analisar modalidades de participação e de interação entre governos e sociedade civil organizada, em diferentes contextos político-territoriais

Economia, instituições e desenvolvimento territorial

Busca-se interrogar o papel dos principais agentes econômicos e seus contextos de ação nas dinâmicas de transformação dos territórios. Atenta-se para forças de mudança ligadas à financeirização da economia, às estratégias dos principais grupos econômicos e às conexões destas últimas com políticas públicas de desenvolvimento econômico. Destaca-se a importância de compreender os arranjos institucionais subjacentes à (inter)ação econômica na conformação dos territórios.

Políticas urbanas, mercado imobiliário e ordenamento territorial

A linha de pesquisa abrange estudos que examinem a interação entre políticas públicas urbanas e mercado imobiliário nas mudanças no ordenamento territorial das cidades. Procura-se atentar para as diferentes escalas de formulação e execução das políticas urbanas e as formas de articulação e conflito entre agentes privados na transformação dos territórios urbanos. Busca-se também examinar os novos atores e as novas práticas de investimento no mercado imobiliário urbano e seus impactos sobre as configurações territoriais.

Agenda

Dúvidas, Sugestões e Elogios

NUPACT 2020. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS. DESENVOLVIDO POR MARKETING4YOU